No Meu Cariri está de volta!

Para os leitores/internautas do antigo blog (os quais agradeço por ter colocado, na época, como um dos quarenta mais acessados da Paraíba) apresento o site de notícias NoMeuCariri, com a mesma linha editorial: objetividade na informação e independência textual. De certo teremos informações das assessorias de comunicação de órgão públicos e privados, que veicularemos desde que estes releases sejam de interesse público.

Entretanto a principal característica de nossa linha editorial, a opinião, merece destaque. Foram convidadas a assinarem uma coluna no NMC, pessoas com amplo domínio em suas áreas de atuação.

Mantivemos o nosso “velho” colunista que trata o cotidiano, o nosso dia-a-dia político, com uma crítica reflexiva, Zizo Mamede, que além de militante político é professor de História.

Também um antigo articulista da época do blog, Rafael Maracajá, Bacharel em Direito pela Universidade Estadual da Paraíba, advogado militante na área previdenciária. Mestre e Doutorando em Ciências Sociais pela UFCG, nos últimos anos tem desenvolvido pesquisas sobre a articulação Neoconservadora nas Redes Sociais. Rafael é autor de diversos artigos publicados em livros e revistas científicas e lançará pela Editora Lúmen Júris o livro “Impeachment e misoginia nas redes sociais”.

A novidade vem do corpo docente da UFCG, Campus Sumé, precisamente da Unidade Acadêmica de Ciências Sociais – UACIS, que são: a professora Sheylla Galvão e o professor Marciano Monteiro. Este, Prof. Dr. da Universidade Federal de Campina Grande, realiza pesquisas que envolvem as temáticas: Elites; Genealogia e poder; Famílias; Desigualdades.

Sheylla Galvão, professora da área de Ciência Política da UFCG, Campus Sumé, é Coordenadora do Curso de Ciências Sociais e do Grupo de Estudos e Pesquisas em Ciência Política – GEPESCP. Também é Conselheira Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, além de pesquisadora dos processos de Cidadanização, de Participação Política da Mulher e de Minorias, da questão de Gênero e com formação e capacitação de Conselheiros Tutelares.

Tenho absoluta certeza que esta equipe contribuirá para compreendermos a situação política e social de nossa região, do nosso Estado e de nosso país. Mais uma vez ressalto a independência textual desse veículo e você leitor terá um contraponto aos tradicionais meios de comunicação que se dizem “imparciais”. Não, não esperem isso do NoMeuCariri, somos parciais, porque a parcialidade é inerente do ser humano, entretanto teremos opinião, teremos uma opinião conceitual.